Um ensaio sobre a apropriação do Elefante Branco

Ah, o lar.

Todos querem um aconchego, um cantinho, um cafofo para repousar o corpo e a alma – e pra chamar de seu.

Aquele soninho infinito que encontra uma cama macia, o lar.

A combinação perfeita para as aspirações de uma alma: o lar e a pessoa.

É.

Mas depois tem a bagunça, a louça e roupa.

Ainda bem que tem máquina de lavar.

Aquele eletrodoméstico impontente, austero e branco.

Imagem

Aqui em casa só coube na sala.

Ah, que nada, ninguém vai perceber que ela tá lá, né? #sqn

Divido com vocês o projeto “Humanizando máquinas: o renascimento do espaço morto”, ou “Um ensaio sobre a apropriação do Elefante Branco”.

coisinha vermelha do pac man
Como esconder sua máquina de lavar roupas – Versão Vermelha
Pokebola, Vai! # sqn
Como esconder sua máquina de lavar roupas – Versão Amarela
Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s